Motociclistas tomam conta das calçadas e prejudicam centro comercial

segunda-feira, junho 20, 2016 0 Comments

Em vários pontos do centro comercial motociclistas clandestinos se apossaram dos estacionamentos


Motociclistas tomam espaço de carros naárea central de Santarém
Motociclistas tomam espaço de carros na área central de Santarém
Uma bagunça das maiores foi montada há muito tempo, principalmente no centro comercial da cidade de Santarém na região Oeste do Pará. É que as calçadas estão permanentemente sendo tomadas por mototaxistas e suas motos. Uma confusão das maiores, que tomou forma por conta do descaso dos órgãos que deveriam organizar o trânsito e estacionamento nas ruas do centro da cidade, mas nada fazem. Conclusão: perdem espaço para quem usa do descuido das autoridades e fazem aumentar a desordem.
Muitas denúncias chegam à nossa redação, em quase todas, a reclamação de que os mototaxistas clandestinos estão fazendo a farra desordenadamente. As calçadas não existem mais, lugar para estacionar nem pensar. Pessoas que se dirigem para o centro comercial não encontram espaço para estacionar seus veículos e muitas delas desistem de fazer suas compras, o que prejudica em muito o empresariado local, que está em grande crise econômica, fazendo com que muitas lojas fechem suas portas e funcionários sejam demitidos.
O aposentado Diomar Santos é um dos que é obrigado a conviver com o abuso. “Todo dia é a mesma chatice, eu não sei mais a quem denunciar”, disse o aposentado. Muitos comerciantes também procuraram nossa equipe de reportagem para denunciar o abuso. E conforme eles citaram, “nem a frente das lojas consegue escapar dos mototaxistas clandestinos que estacionam em qualquer lugar”, denunciaram.
 Sem ter a quem recorrer, eles esperam por uma decisão do Prefeito e seus secretários, que com toda a certeza estão atarefados, estudando um meio de regularizar a situação dos mototaxistas clandestinos no centro da cidade.

José colares

Some say he’s half man half fish, others say he’s more of a seventy/thirty split. Either way he’s a fishy bastard.