SANTARÉM AFUNDA NAS DROGAS

quinta-feira, maio 25, 2017 0 Comments


A nossa querida Santarém, que antes foi a cidade da calmaria, da tranquilidade, da segurança para se viver e das conversas à tarde nas calçadas pelos vizinhos, se transformou num caldeirão de insegurança, território de assaltantes, drogados, traficantes, estupradores e homicidas. Tudo isso porque as drogas aos poucos invadiram o nosso espaço territorial e tornou a calmaria do passado no pandemônio do presente. De quem é a culpa? Das autoridades de segurança que não acompanharam a proliferação das drogas nos bairros; que não vislumbraram a ação dos traficantes; que se mantiveram inertes num quadro caótico que a cada dia se alterava pelos atos criminosos, para chegar onde estamos, com assaltos diários, consumo imoderado de drogas, atentados ao patrimônio alheio e à integridade física das pessoas de bem. No meio disso tudo estão os viciados de classes mais pobres, mais miseráveis, mas também estão os consumidores de cocaína e de maconha que se escondem na empáfia de empresários, de profissionais liberais, pretendendo enganar a todos, quando se sabe que estes não passam de reles viciados em substâncias entorpecentes, das quais fazem uso diário. Por tudo isso, e por mais que as Polícias se desdobrem, principalmente o brilhante trabalho da PM, a verdade é que se torna difícil controlar o crime no nosso Município.

José colares

Some say he’s half man half fish, others say he’s more of a seventy/thirty split. Either way he’s a fishy bastard.