DEU NO BOCÃO

ALERTANDO O PREFEITO
Um fiscal lotado na Divisão de Vigilância Sanitária, de nome Ruberval Gama da Silva, tem que passar por uma avaliação médica, pois quando visita uma empresa, usa de prepotência e ignorância, quando exige documentos de responsabilidade da SEFA e Ministério do Trabalho. Não tem educação e bom senso; poder na mão de quem não sabe usar, é uma arma contra o político. O chefe desse rapaz deve ficar de olho nele, ensinar como deve se comportar diante do empresário. O empresário não é funcionário dele. O caso vai ser comunicado às autoridades e ao prefeito Nélio, que é uma pessoa educada e simples. Não admite que servidor humilhe as pessoas; têm de cumprir sua função com respeito e presteza.
ALERTANDO O PREFEITO 2
O prefeito Nélio, pessoa educada e simples, recebe todos com educação e respeito e não admite que pessoas sob seu comando tratem o cidadão com arrogância, ignorância e prepotência. Esse fiscal quando deixa a notificação, não fundamenta; presume-se que suas exigências estejam à margem da Lei. Prefeito Nélio, chame o chefe desse fiscal para saber se ele já fez o exame periódico de saúde.