BOCÃO - QUEM DEVE SE TREME...

sexta-feira, junho 17, 2016 0 Comments

Jornal o Impacto

Veja as notícias quentes do Bocão desta semana.

bocão 01ALERTANDO A SEFA
Tomei conhecimento que foram constituídas várias firmas com atividade atacadista de gêneros alimentícios, lojas de ferragens, vestuários e outras com sócios laranjas. As firmas são abertas e estão vendendo produtos vencidos e depois abandonam as empresas. O coordenador Nivaldo Brederode deveria acabar com essa bandalheira, mas não faz nada, fica agindo arbitrariamente contra as empresas de Santarém, deixando produtos pirateados e vencidos circularem normalmente em Itaituba, com apoio da SEFA.
ALERTANDO A SEFA 2
Segundo fiquei sabendo, pessoas vêm de Mato Grosso abrem empresas com sócios laranjas e vendem produtos sem nota fiscal de entrada e sem cupom fiscal, com apoio da SEFA local. Senhor Coordenador, por que o senhor fecha os olhos para esse tipo de ato ilícito? Em Santarém o senhor aplica arbitrariedade e em Itaituba deixa correr solto. Por que, senhor coordenador? Os empresários constituídos legalmente estão acumulando prejuízos, enquanto os outros empresários piratas estão lucrando sem pagar imposto.
bocão 02ABUSO OFICIAL
Chegou ao meu email, que um Oficial de Justiça estadual acompanhado de um advogado foram até uma empresa para fazer o arresto de algumas mercadorias. Chegando à empresa, o responsável informou que lá não era a empresa que estava indicada na carta precatória, já que essa empresa era nova e não tinha nada com a empresa que o Oficial de Justiça estava procurando. Porém, o advogado que tomava a frente do caso, disse para o oficial de Justiça, manda abrir a porta e tira logo essas mercadorias e pronto. Os advogados da empresa informaram que a mercadoria não pertencia à empresa da carta precatória e mesmo assim o Oficial de Justiça obedeceu às ordens do advogado que o acompanhava, que mandou tirar a mercadoria. O Oficial de Justiça sabia que a mercadoria não era da empresa que estava identificada na carta precatória. A empresa prejudicada vai processar o Oficial de Justiça e a empresa pelos prejuízos causados.
bocão 03ALERTA AOS PAIS
Pais de adolescentes precisam ficar sempre em alerta com relação às baladas e festinhas. Fiquei sabendo que os moleques estão aproveitando a situação e colocando um pó branco na bebida das meninas que vicia a beber para depois oferecer droga. Por um tempo as moças ficam inconscientes e quando retornam ficam sem reação. É nesse momento que a molecada se aproveita e pegam nas partes das vítimas que são compostas por adolescentes entre 14 e 17 anos.
bocão 04AUTO DE INFRAÇÃO MUNICIPAL
A secretária Municipal de Finanças, Regina, não seguiu o rito processual administrativo como determina a legislação vinculada. Um contribuinte foi indevidamente autuado por um auditor que sem seguir o procedimento administrativo que requer a autuação, cometeu novamente outro erro que compromete a decisão. O contribuinte elaborou sua impugnação e a Secretária encaminhou o processo ao mesmo auditor para emitir um parecer e, desse parecer acatou o argumento falho e fraco do auditor.
bocão 05AUTO DE INFRAÇÃO MUNICIPAL 2
A impugnação deveria ter sido apreciada por um julgador e a secretária Regina mandou o mesmo auditor se pronunciar, ou seja, se o contribuinte identifica os erros do auditor na constituição do crédito tributário e o próprio auditor julga, é claro que ele vai manter o auto de infração. Senhora Secretária, se a Prefeitura não possui um julgador, a senhora pode assumir essa função e não transferir a responsabilidade para o auditor autuante.
AUTO DE INFRAÇÃO MUNICIPAL 3
Outro erro grave da Secretária é quando ela decide com base no parecer do auditor autuante e não menciona que o contribuinte possui a opção de recorrer ao Conselho de Contribuinte. A Secretária tem que fazer um curso de processo administrativo fiscal, para saber o que é auto de infração, impugnação, diligência e recurso voluntário, para saber conduzir o devido processo legal. O auto de infração encontra-se vicioso e com várias irregularidades no procedimento.
bocão 06NAVIO HOSPITAL
O Ministério Público Federal deveria solicitar prestação de contas da Prefeitura de Santarém ou da UFOPA, dos recursos direcionados para o Navio Hospital Abaré. Dinheiro tem, tem que saber se está sendo aplicado corretamente. O Navio não pode ficar parado por falta de recurso. O povo não pode ficar sem assistência médica por falta de suposta desorganização. O recurso que vem para a Prefeitura ou para a UFOPA é de ordem federal, senhores procuradores. Alertar não ofende.
bocão 07NOVA LIDERANÇA
O advogado Tabajara está desenvolvendo um excelente trabalho social junto a várias comunidades. Segundo membros das comunidades, Tabajara está sendo muito útil na assistencial social, onde nenhum Vereador demonstrou interesse em ajudar as lideranças.
bocão 08ERALDO PIMENTA
O Deputado foi único político que se interessou em ajudar os empresários do Estado do Pará, em especial da região Oeste, contra as arbitrariedades do coordenador tributário de Santarém. O Deputado vai ficar acompanhando o caso e se não houver mudança, vai apresentar ao governador Jatene as ocorrências irregulares e viciosas.
bocão 09EMPRESÁRIOS
Os empresários devem se unir e se organizar para fortalecer a classe. Apenas 3 estão se dedicando em defesa da classe e os demais esperando os benefícios. César, Alberto e Alexandre estão tomando a frente para resolver problemas de todos. Com esse descaso dos demais, a classe fica fraca sem poder para agir. Parabéns aos três empresários que lutam para que a classe seja respeitada.

José colares

Some say he’s half man half fish, others say he’s more of a seventy/thirty split. Either way he’s a fishy bastard.