CIRURGIA GRATUITA EM ÓBIDOS

sexta-feira, junho 17, 2016 0 Comments



As cirurgias fizeram parte da programação da Semana da Saúde Visual realizada pela ONG BSM Saúde, PMO/Secretaria Municipal de Saúde de Óbidos.
Nos dias 14 e 15 de junho 16 pacientes que passaram pela Semana da Saúde Visual e que foram diagnosticadas com pterígio em estado grave, passaram pó procedimento cirúrgico para a retirada da chamada carne crescida. As cirurgias fizeram parte do atendimento realizado pela Organização Não Governamental (ONG) B’nai Shalom Mashiach (BSM Saúde) em parceria com a Prefeitura Municipal de Óbidos, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (SEMSA), através do competente secretário Bruno.
Entre os pacientes atendidos estava a dona de casa Maria Ana Barbosa Ribeiro, 61 anos, moradora do bairro da Cidade Nova. Dona Ana buscou atendimento na ação por causa do pterígio, e foi uma das selecionadas para fazer a cirurgia que durou pouco mais de 15 minutos. Após o procedimento, a dona de casa falou: “Agora eu me sinto bem. A gente com um problema no olho e sem dinheiro pra pagar a consulta e fazer o exame e assim, vindo uma benção dessa de graça a gente não pode dispensar. Sem poder enxergar a gente não pode fazer nada. O certo é a gente ‘tá’ com a vista limpa e com isso vai crescendo, crescendo e na vez que tampe a gente não tem condição de enxergar. É uma tristeza né”.
O médico oftalmologista, Guilherme Marin, explicou o que é o pterígio, popularmente conhecida como carne crescida geralmente não compromete a visão, porém em alguns casos a intervenção cirúrgica é a única forma de tratamento e se engana que a doença acomete apenas pessoas com mais idade. “Pterígio não acontece só em idosos como a catarata, aqui na região há muitos casos e nós atendemos segundo a gravidade e não por faixa etária. O principal fator é o excesso de sol e a gente até indica para as pessoas sempre usarem o óculos escuro que diminui as chances”, explicou o médico após orientar que o ideal é que todo cidadão possa pelo menos uma vez por ano consultar com um médico oftalmologista.
Durante a realização da Semana da Saúde Visual aproximadamente 3.500 pessoas passaram por atendimentos na Unidade Básica de Saúde Jofre de Matos Cohen e segundo os médicos muitos pacientes foram diagnosticados com cataratas, pterígio e erro refrativo, aquele que é indicado o uso de óculos para correção. “A ONG além dos atendimentos oftalmológicos gratuitos também nos ofertou essas 16 cirurgias de pterígio sem custos para prefeitura. Foram oito cirurgias em cada dia, e tivemos apenas um caso que não pode ser realizado e o paciente foi encaminhado para Santarém e mesmo assim teve os retornos e a gente agradece muito o apoio de todos que ajudaram a fazer essa grande ação de saúde”, finalizou o secretário de Saúde Bruno Ricardo Rocha. 


 SECRETÁRIA MUNICIPAL DE SAÚDE

José colares

Some say he’s half man half fish, others say he’s more of a seventy/thirty split. Either way he’s a fishy bastard.