São Francisco e São Raimundo empatam seus jogos e lideram grupos

segunda-feira, junho 27, 2016 0 Comments

Jogo do leão teve quatro gols marcados, uma penalidade e quatro jogadores expulsos



Aleílson marcou os dois gols do São Francisco
Aleílson marcou os dois gols do São Francisco
O estádio Colosso do Tapajós recebeu na tarde de domingo (26) o confronto entre São Francisco e Baré-RR, pela terceira rodada da Série D do Campeonato Brasileiro. Em campo, o futebol apresentado pelas duas equipes não foi dos melhores, mas a partida teve quatro bolas na rede, um pênalti e quatro expulsões em menos de dois minutos. No fim, além do 2 a 2 no placar, os times tiveram muito o que reclamar.
O empate entre as equipes e a derrota do Palmas para o Princesa do Solimões deixa o grupo A2 totalmente embolado e com todas as equipes com boas chances de classificação. Enquanto o São Francisco chega aos quatro pontos – igualmente aos dois times do outro confronto –, o Baré soma três pontos. Santarenos e roraimenses voltam a se enfrentar no próximo fim de semana, mas desta vez com o mando de campo invertido. O segundo encontro entre eles está marcado domingo (3) na Vila Olímpica, a partir das 17h (horário de Brasília).
O JOGO
O São Francisco começou a partida em cima do adversário e logo aos 16 minutos abriu o placar com o atacante Aleílson. Após isso, os santarenos bem que tentaram manter o mesmo ritmo, mas aos poucos, os visitantes foram mostrando que a vitória não seria nada fácil. Delciney e Tiago Brandão bem que tentaram, mas o goleiro Alencar Baú não deixava nada passar por ele. Até que aos 45 minutos, a pressão surtiu efeito e Charles marcou o gol de empate, após cruzamento do lateral Tubarão.
Os donos da casa já não estavam bem e parece que na segunda etapa tudo piorou, principalmente após Claudinei, de coxa, marcar o gol da virada dos visitantes, logo aos quatro minutos da segunda etapa. A partir daí, os azulinos se perderam totalmente em campo e mal conseguiam chegar ao ataque, principalmente por conta da má atuação do meio-campo Samuel e do atacante Jeferson Monte Alegre.
As coisas só começaram mudar novamente aos 34 minutos da segunda etapa, quando Aleílson marcou o gol de empate dos azulinos. Nove minutos depois, o atacante sofreu um pênalti e teve a chance de marcar o gol da virada, mas parou nas mãos do goleiro Delone. Após o lance, o jogador começou a discutir com o zagueiro Delciney, acarretando na expulsão de ambos. Um minuto depois, o árbitro Glauco Nunes Feitosa também deu cartão vermelho para Ricardinho – do São Francisco – e Charles – do Baré.
Após isso e mesmo com a reclamação de ambos os lados, mas nenhum grande lance aconteceu e a partida terminou com o placar em 2 a 2. Sendo assim, o próximo capitulo deste duelo, que começou polêmico, fica marcado para o próximo fim de semana.
São Raimundo-PA fechou as investidas do Náutico-RR no primeiro tempo, redenção alvirrubra no segundo
São Raimundo-PA fechou as investidas do Náutico-RR no primeiro tempo, redenção alvirrubra no segundo
NÁUTICO-RR E SÃO RAIMUNDO-PA FICAM NO EMPATE SEM GOLS
Ficou no empate de zero a zero o confronto de domingo, entre Náutico-RR e São Raimundo-PA, em partida válida pela terceira rodada do grupo A3, do Campeonato Brasileiro Série D, na Vila Olímpica Roberto Marinho, em Boa Vista, Roraima.
O resultado acabou sendo ‘bom para as duas equipes’, visto que permanecem nas mesmas colocações, o São Raimundo-PA que vinha com 100% de aproveitamento com duas vitórias em dois jogos, agora vai a sete pontos, e continua líder, seguido pelo Náutico-RR, que tem uma vitória e dois empates, somando cinco pontos.
O JOGO
O primeiro tempo, sem exageros, foi conduzido e cadenciado pelo São Raimundo-PA. O Náutico-RR assistiu o Pantera ser mais ofensivo e não soube aproveitar as chances de gol que criou. O Alvirrubro não conseguia sair jogando, esbarrava no meio de campo. Apensar do revés, o Alvirrubro quase abriu o placar em duas oportunidades. Uma com João Paulo, que chutou pra fora, e outra com Robemar, que fez o goleiro alvinegro Evandro trabalhar fazendo uma bela defesa. Méritos para o goleiro Katê, que se destacou muito no primeiro tempo. Fez belas defesas, difíceis, salvando o Náutico-RR de levar os gols.
O segundo tempo foi bem mais agitado. O Náutico-RR finalmente penetrou no meio de campo alvinegro, que por sua vez voltava no contra-ataque rápido. O Pantera atacou muito e perdeu algumas chances de abrir o placar. Uma delas foi no tiro livre indireto na bola de Elton recuada para Katê. Os jogadores não souberam aproveitar e a zaga alvirrubra tirou. O Náutico-RR também teve algumas oportunidades que também não soube aproveitar. Em algumas chances, o goleiro Evandro salvou o Pantera. Em algumas, bolas como o chute de Matheus o arqueiro foi eficiente. O goleiro alvirrubro Katê também foi essencial na partida. Fechou o gol alvirrubro.
O próximo encontro entre as equipes acontecem no dia 3 de julho, agora em solo paraense, no Estádio Colosso, O São Raimundo-PA recebe o Náutico-RR.
Fonte: RG 15/O Impacto 

José colares

Some say he’s half man half fish, others say he’s more of a seventy/thirty split. Either way he’s a fishy bastard.