Vereador destaca o desenvolvimento sustentável para Santarém

terça-feira, junho 06, 2017 0 Comments

O Dia Mundial do Meio Ambiente, comemorado em 5 de junho, foi o tema do pronunciamento do vereador Valdir Matias Jr. (PV), durante a sessão desta segunda-feira (5), na Câmara de Santarém. A data surgiu da necessidade de se criar uma postura crítica e ativa em relação aos principais problemas ambientais que afligem o mundo ao nosso redor. Da tribuna da Casa, o parlamentar reforçou a importância dos cuidados que todos devemos ter com a natureza e direcionou responsabilidades tanto para o cidadão comum quanto para os gestores públicos sobre a necessidade de ações sustentáveis em prol da melhoria de qualidade de vida das pessoas a partir do cuidado com o meio ambiente.
Matias Jr., defendeu o desenvolvimento do município em que todos os segmentos da economia, como o turismo, o agronegócio, a área portuária e área industrial possam se instalar, gerar oportunidades, mas respeitando a legislação ambiental. Além disso, pequenos gestos também podem fazer muita diferença e garantir um local melhor para as futuras gerações. O cuidado, segundo ele, devem começar com os moradores tendo a consciência de evitar jogar lixo nas ruas, de evitar danos aos nossos rios e igarapés, além de não fazer queimadas na área urbana, pois tudo isso acaba provocando danos irreversíveis à natureza por causa da poluição.
Na ocasião, o líder do PV na Câmara falou do papel do seu partido que sempre lutou pelas causas ambientais, defendendo, principalmente o desenvolvimento da região de forma sustentável e responsável.
Para ele, um dos segmentos rentáveis para o município é o setor turístico, que é uma indústria limpa que não polui e nem causa danos ao meio ambiente. “Existem muitas formas de ser garantir renda por meio do turismo, com a aquisição de créditos de carbono, o turismo de base comunitária, os planos de manejos e muitas outras ações sustentáveis que buscam sempre a melhoria da qualidade de vida das pessoas”, destacou.
Valdir Matias Jr. finalizou seu pronunciamento dizendo que “a qualidade de vida não se mede pela industrialização de uma cidade, mas sim pelo modo de vida das pessoas que é ter acesso a uma boa educação, boa saúde, infraestrutura, saneamento. Isso sim é qualidade de vida”

Fonte: RG 15/O Impacto e Marcos Santos

José colares

Some say he’s half man half fish, others say he’s more of a seventy/thirty split. Either way he’s a fishy bastard.