ESTADO OMISSO...

terça-feira, agosto 08, 2017 0 Comments

A violência registrada no Estado do Pará, que segundo a Ordem dos Advogados do Brasil, Seccional do Pará se dá pela “omissão do Estado que colabora para o crescimento da violência e aumento do número de mortes”. Assim define a insegurança que toma conta do Pará, José Araújo Neto, Presidente da Comissão de Direitos Humanos da OAB. Em entrevista ao DOL, na última quinta-feira (27), ele afirmou que o mais recente caso de violência no Estado, a morte de um casal em Itupiranga, sudeste paraense, demonstra a falta de controle do Estado diante do crescimento da violência, seja na área urbana, seja na área rural.Ainda segundo ele, o Pará está sem políticas públicas adequadas para a resolução dos conflitos e não está acompanhando os casos de forma efetiva. Assim, a impunidade cresce diante de um Estado inoperante e uma região “sem lei”. A tudo isso, some-se as execuções (já são três) dos Prefeitos da Região Sul do Estado que são abatidos por pistoleiros, tal como aconteceu mais recentemente com o Prefeito de Tucurui, homicídio que veio somar-se aos dois anteriores, de Breu Branco e de Goianésia do Pará. Tanto no campo quanto nas pessoas dos Prefeitos, todas essas mortes envolvem interesses econômicos e ambições desmedidas. Estamos em guerra!

José colares

Some say he’s half man half fish, others say he’s more of a seventy/thirty split. Either way he’s a fishy bastard.