COLUNA BOCÃO ( O IMPACTO)

 TÓPICO: PROSTITUIÇÃO (Residencial Salvação)
LEITORA – Sabrina
Somente a educação pode salvar essas crianças. Famílias desestruturadas já se iniciam sem perspectiva de futuro, crianças gerando crianças. É indispensável que o Estado olhe pra essas famílias e façam um trabalho sério de inclusão social, sem se importar com as críticas, pois o que mais vemos nessa sociedade hipócrita é gente condenando, mas sem nenhuma iniciativa para a mudança, o pior é que essas críticas vêm de quem “estuda”, considerados “bem sucedidos na vida”, vivem na igreja e falam em nome de Deus, mas sem nenhum pingo de amor ao próximo. Desprezar a condição dessas pessoas e criticar quem tenta ajudar, seja o Estado ou iniciativa privada, é de uma mediocridade sem tamanho.