USO DE CELULAR NOS PRESÍDIOS

A Susipe determinou a proibição de uso de celulares por agentes públicos nas unidades prisionais de todo o Pará. No Centro de Recuperação Agrícola Sílvio Hall de Moura em Santarém, não é diferente. A Portaria de recomendação nº 50/2018 já entrou em vigor. A medida tem a finalidade de garantir maior segurança nas unidades penais e impedir a exposição de imagens e vídeos captados no interior das casas penais e o compartilhamento pelas redes sociais, de forma indevida. O coordenador de segurança do Centro de Recuperação Agrícola Sílvio Hall de Moura, Adailton Coelho, esclarece que já havia um certo controle em Santarém. Alguns agentes deixavam os aparelhos celulares guardados em uma gaveta com cadeado, na portaria da Penitenciária, e só poderiam pegá-los no final do expediente. Além desse controle, alguns dos 30 agentes que atuam na penitenciária de Santarém preferem deixar o celular em casa, pois a área (Cucurunã) é de difícil acesso às redes de linha móvel.