Emoção e alegria marcam primeira visita de crianças indígenas em Play Park no Shopping


Um dia que certamente ficará na lembrança de 15 crianças e adolescentes entre 6 e 15 anos, indígenas venezuelanos da etnia Warao, que tiveram a oportunidade de pela 1ª vez estar em um espaço criado para brincar. Elas foram convidadas pelo setor de marketing do Rio Tapajós Shopping para conhecer o Play Park.
Saiba Mais:
A coordenadora da Casa de Acolhimento para Adultos e Famílias (CAAF), Juliana Fialho e a Pedagoga Nayara Lima, levaram as crianças e se emocionaram ao ver o primeiro contato delas com os brinquedos eletrônicos. "Foi gratificante acompanhá-las, sabemos da história sofrida dessas crianças que estavam em situação de extrema vulnerabilidade, quando tiveram de sair de sua terra fugindo da fome e aqui chegaram e estão sendo acolhidas pelo município. O convite teve um significado muito além e fez com que elas por uma hora esquecessem de todas as dificuldades que já foram expostas."
Os funcionários do espaço recreativo e também donos das lojas próximas ao local se emocionaram e foram testemunhas que tão pouco, pôde fazer a alegria de tantos.
A Casa de Acolhimento para Adultos e Famílias é um equipamento da Prefeitura de Santarém por meio da Secretaria Municipal de Trabalho e Assistência Social (Semtras) que está acolhendo os indígenas venezuelanos que estão na cidade em situação de refugiados desde 28 de setembro de 2017. Já foram abrigados pelo municípios 250 indígenas. Atualmente o município acolhe 97 indígenas, entre eles, mais da metade são crianças e adolescentes.
A Casa está localizada às margens da BR-163, Bairro Cambuquira.
Geisa de Oliveira Agência Santarém