Diocese de Santarém promove Ato em Defesa da Vida

Vigília Pública e Oração do Terço acontece nesta segunda-feira, a partir das 18h30 , em frente à Catedral de Nossa Senhora da Conceição.
A diocese de Santarém, através de suas forças vivas, que são os cristãos leigos engajados nas diversas pastorais e movimentos sente o desejo de continuar lutando em defesa da vida, contra a descriminalização do aborto, pois a vida é direito de todos, é da vontade de Deus que a criança venha ao mundo sem nenhuma interrupção, por que a vida é graça, é presente de Deus.
Neste sentido, unidos à Igreja no Brasil e a todos os cidadãos de boa-vontade, urge a preocupação profundamente com a análise feita pelo Supremo Tribunal Federal, da ADPF 442, que pede a descriminação do aborto em nosso país. A admissão da tese, de autoria do PSOL, implicaria na despenalização do aborto até 12 semanas de gestação.
Evidentemente, trata-se de ilegal, porque visa a um resultado contrário às leis e à Constituição, que dentre os seus fundamentos destaca a dignidade da pessoa humana. A mesma Carta diz, ainda, que é inviolável o direito à vida. O Código Civil, por sua vez, põe a salvo desde a concepção os direitos do nascituro. Não menos importante para o Católico. O Catecismo da Igreja Católica afirma: “A vida humana deve ser respeitada e protegida, de modo absoluto, a partir do momento da concepção. Desde o primeiro momento da sua existência, devem ser reconhecidos a todo o ser humano os direitos da pessoa, entre os quais o direito inviolável de todo o ser inocente à vida”. E ainda procede o cânon seguinte, com mesma autoridade: “A Igreja afirmou, desde o século I, a malícia moral de todo o aborto provocado. E esta doutrina não mudou. Continua invariável. O aborto direto, isto é, querido como fim ou como meio, é gravemente contrário à lei moral”, e o governo civil, sob qualquer justifica, não pode se eximir de tê-lo como um atentado a um direito inalienável.
Diante de um quadro tão urgente, em defesa da vida desde sua concepção até a morte natural, no Ano do Laicato, decidimos expressar publicamente nosso repúdio a essa tentativa de destruição da Lei – ao mesmo tempo, queremos lutar juntos para que o direito à vida seja preservado e respeitado por meio de uma  VIGÍLIA PÚBLICA E ORAÇÃO DO TERÇO,  que acontece nesta segunda-feira, a partir das 18h30 , em frente à Catedral de Nossa Senhora da Conceição.
Desse modo vamos pedir a intercessão de Nossa Senhora em favor do Brasil, por isso Convidamos todos os católicos e os que que se sentirem motivados a demonstrarem sua fé em nosso Senhor Jesus Cristo, concebido no ventre da Virgem Maria, e manifestarem publicamente a doutrina da Igreja, na defesa da vida e contra o aborto e, também, todos os cidadãos brasileiros, em sua maior parte contrários à descriminalização, para que defendam conosco o direito à vida, assegurado em nossa Constituição.
A concentração será em frente à Catedral de Nossa Senhora da Conceição, nessa segunda-feira, 06 de agosto, às 18h30. Para a oração do Santo Terço, é bom que todos levemos velas.
Fonte: RG 15/O Impacto e Ascom Diocese de Santarém