UM BALNEÁRIO INVADIDO

quarta-feira, julho 06, 2016 0 Comments


Alter do Chão não é mais aquela Vila pacata de uns tempos atrás, quando a tranquilidade, o ar pitoresco, a convivência entre amigos e a paz se faziam sentir em todos os recantos. Hoje as reclamações são gerais, pelos roubos às residências, pelos viciados em drogas que ali aportam, pelo abandono da Administração Pública e pelos inúmeros hippies que se apropriam do espaço público da Praça da Matriz e ali, no elevado, fazer farras é mais farras, bebendo, jogando ao relento garrafas e mais garrafas de cervejas, de cachaça e outras coisas ainda piores. Ali é local turístico e não um bar a céu aberto. São atitudes assim que espantam os visitantes e apavoram e atrapalham o comércio local. Com a palavra a Prefeitura e as Secretarias correlatas!

José colares

Some say he’s half man half fish, others say he’s more of a seventy/thirty split. Either way he’s a fishy bastard.