LAVA PECADO

LAVA-PECADO 1
Recebi um e-mail de um membro de uma igreja revoltado com o que está presenciando lá. Ele disse que tem pessoas com apoio de alguns pastores que acham que ofertando dinheiro ou veículo para o pastor, vão ser perdoados de seus pecados. O lava-pecado, como já vem sendo conhecido na igreja, sempre está oferecendo oferta como forma de perdão de seus pecados. Ou seja, eu dou e o pastor vai orar por mim, eu me livro do pecado e continuo pecando. Essa pessoa está revoltada com o que acontece em sua igreja, pois lá o rico tem tratamento diferenciado desse pastor.
LAVA-PECADO 2
O mais absurdo é que essa pessoa sem preparo passa a ser líder de célula, um passo para virar pastor. A palavra é essa mesmo, virar pastor. É uma pena que tenha pastor e pessoas que praticam assim. Pensando que Deus vai perdoar pecado com a troca de oferta gorda e carro do ano. Segundo o membro da igreja, ele não vai mais participar dessa igreja, vai procurar uma em que as ofertas e dízimos sejam aplicados nas obras de Deus, já que esses presentes não estão indo para o cofre da Igreja.
LAVA-PECADO 3
Tem mais, a casa desse lava-pecado é frequentada por pastores que se divertem e passam bem à custa dele. Esse lava-pecado com esse procedimento, está a cada dia mergulhando no buraco do inferno, pois pensa que ofertando a bel prazer, vai se livrar de seus pecados mortais. Acho que o pastor está iludindo essa pessoa, prometendo salvá-lo de seus pecados. Essa pessoa é conhecida na igreja devido sua tática para se livrar de seus pecados. Teus pecados não vão ser perdoados pelo pastor, somente Deus e Jesus Cristo salvam. Entrega-te a Deus e muda tua maneira de agir sem pegar corda. O pastor já está no fogo, em pouco tempo vai ser queimado.
LAVA-PECADO 4
Essa troca de oferta e dízimo como forma de perdão, não existe, somente Deus perdoa os pecados. O Lava-pecado por estar comprometido, acaba acreditando que pastor perdoa pecado. O Satanás está tomando conta do lava-pecado, que a cada dia está mais perto do inferno.
LAVA-PECADO 5
Apóstolo Paulo, enviando para Timóteo. “Esta afirmação é digna de confiança: Se alguém deseja ser bispo, deseja uma nobre função, é necessário, pois, que o bispo seja irrepreensível, marido de uma só mulher, moderado, sensato, respeitável, hospitaleiro e apto para ensinar; não deve ser apegado ao vinho, nem violento, mas sim amável, pacífico e não apegado ao dinheiro”.
LAVA-PECADO 6
“Ele deve governar bem sua própria família, tendo os filhos sujeitos a ele, com toda a dignidade. Pois, se alguém não sabe governar sua própria família, como poderá cuidar da igreja de Deus? Não pode ser recém-convertido, para que não se ensoberbeça e caia na mesma condenação em que caiu o Diabo. Também deve ter boa reputação perante os de fora, para que não caia em descrédito nem na cilada do Diabo. 1 Timóteo 3: 1-7”.