Obras do terminal de cargas e passageiros de Santarém estão em fase final

quinta-feira, abril 27, 2017 0 Comments

As obras do Terminal de Cargas e Passageiros, localizado no bairro Prainha, ao lado da antiga Tecejuta, estão em fase final. A Prefeitura de Santarém, por meio da Secretaria Municipal de Infraestrutura (Seminfra), já utilizou 692 toneladas de massa asfáltica na área e agora está limpando o local. A Secretaria Municipal de Mobilidade e Trânsito (SMT) já está sinalizando a área de estacionamento. O terminal irá beneficiar Santarém e demais municípios da região do oeste do Pará e servirá para substituir o porto que funciona próximo à Praça Tiradentes, no bairro Aldeia.
O Terminal é considerado uma Instalação Portuária Pública de Pequeno Porte (IP4), que é construída para favorecer a movimentação de cargas e passageiros em áreas distantes, atendidas pelo transporte fluvial. Segundo o titular da Seminfra, Daniel Simões, a obra será entregue em maio. O secretário destaca os benefícios diretos com o terminal:
ü  Aumenta o fluxo turístico e incrementa o comércio local;
ü  Gera empregos na construção, operação e manutenção das IP4;
ü  Possibilita o fornecimento de alimentos, bens e serviços em geral;
ü Proporciona acesso à política agrícola, de saúde, segurança, educação e cultura;
ü Contribui para a fixação das populações interiores em seus Municípios;
ü  Investimento dos recursos financeiros na própria Localidade/Região;
ü  Possibilita o compartilhamento de outros serviços públicos em sua estrutura, tais como: Correios, Posto de Saúde, Bancos, Caixa Eletrônico, entre outros;
ü  Reduz os custos logísticos de transporte fluvial, para empresas de navegação e usuários ribeirinhos.
Segundo a Divisão de Portos, da SMT, hoje na Praça Tiradentes estão cadastradas para atracação 40 embarcações.
As obras iniciaram em 2008, com o convênio DNIT-292/2006 DAQ, contrato 07/2008, sob a responsabilidade da empresa Construtora Mello de Azevedo S/A. No terminal vai constar: cais de arrimo, rampa de concreto armado, drenagem pluvial, cais flutuante, terminal de cargas e passageiros e obras complementares. O valor total utilizado na obra é R$ 6.216.796,42, oriundo do Ministério do Transporte / DNIT e Prefeitura de Santarém.

Fonte: RG 15/O Impacto e CCOM/PM

José colares

Some say he’s half man half fish, others say he’s more of a seventy/thirty split. Either way he’s a fishy bastard.