Motocicletas e telefones, alvos dos bandidos

As estatísticas criminais aumentam a cada mês em Santarém. Sabe-se que, de um certo tempo para cá os telefones celulares e as motocicletas têm sido alvos dos bandidos que, dentre outros objetos, estes são os mais cobiçados. Só nos primeiros quatro meses do ano a estatística registrou 170 roubos e furtos de motos. Já os telefones nem há um número exato. Ou seja, a insegurança é total.