Maio Amarelo encerra com caminhada em Santarém

Depois de um mês de intensas programações, a Prefeitura de Santarém por meio da Secretaria Municipal de Mobilidade e Trânsito (SMT) realizou  o encerramento da Campanha Maio Amarelo em Santarém. O último dia do movimento mundial no município foi marcado por uma caminhada nas ruas da cidade com a presença dos parceiros e apoiadores da campanha.
Durante 30 dias de programação foram realizadas orientações aos pedestres e motoristas, e em embarcações com parceria da Marinha; mesas redondas e palestras para alunos de escolas municipais e universitários das instituições Unama, Ulbra e Unip.
Também participaram das programações as secretarias municipais, empresas privadas e o Hospital Regional do Baixo Amazonas (HRBA) que atendeu não somente aos seus colaboradores, como também usuários e órgãos ligados a segurança e trânsito, como o Departamento de Trânsito do Estado do Pará (Detran) e Sest Senat.
As ações também foram realizadas através de blitz educativas nas Avenidas Rui Barbosa e Fernando Guilhon, atividades voltadas a pedestres e motoristas quanto aos cuidados adotados no trânsito.
E para encerrar o mês de intensas ações voltadas a conscientização no trânsito foi realizada uma caminhada que levou centenas de pessoas, entre parceiros e acadêmicos, as ruas da cidade levando a mensagem de paz no trânsito.
"Nós percebemos que a campanha surtiu positivamente para a sociedade. Esse foi um mês de intensos trabalhos, de prevenção, orientação e cuidados pela vida no trânsito. A caminhada conseguiu alcançar seu objetivo principal, o de chamar a atenção da sociedade. Nós tivemos a participação dos acadêmicos de pedagogia da Unip, aproximadamente 300 alunos e também o apoio do Núcleo de Esporte e Lazer (NEL), da Secretaria Municipal de Educação (Semed) e do Serviço Social do Comércio que estava com a programação do Dia do Desafio. Foi um sucesso e nós esperamos ter contribuído para que a sociedade possa começar a adotar atitudes mais seguras, colaborando para um trânsito sem acidentes", ressaltou o coordenador da Divisão de Educação para o Trânsito, Marcelo Santos.

Na chegada a Praça do Pescador os participantes se depararam com uma simulação de acidente de trânsito com bonecos encenando duas vítimas fatais. Situação que chamou atenção não só dos caminhantes, mais de pessoas que passavam pelo local. "Pensamos que era um acidente de trânsito de verdade ficou tudo tão real, infelizmente são cenas como esta que acontecem em Santarém, nos leva a refletir sobre nosso comportamento no trânsito para que não possamos ser o próximo nesse tipo de situação", ressaltou Carlos Jesus, participante da caminhada.
Apesar da Campanha Maio Amarelo ter encerrado, a Divisão para o Trânsito continuará com campanhas do Departamento Nacional de Trânsito (Denatran), trazendo para a realidade local. Já se programando para a realização de palestras em escolas e outros.
Marina Bandeira Agência Santarém