Assaltantes do Basa de Rurópolis morrem em troca de tiros com a Polícia

terça-feira, abril 19, 2016 0 Comments

Quatro assaltantes morreram em confronto com a Polícia. Outros 4 continuam foragidos


Quatro assaltantes morrerem em confronto com a Polícia
três dos quatro assaltantes que morrerem em confronto com a Polícia
Em confronto com a Polícia, por volta das 12 horas desta segunda-feira, 18, em uma estrada vicinal de Rurópolis, no oeste do Pará, quatro assaltantes morreram, após serem atingidos por disparos de arma de fogo. Eles são suspeitos de participar do assalto ocorrido ao Banco da Amazônia (Basa), no dia 11 deste mês, de onde foram roubados aproximadamente R$ 300 mil.
Em contato com a imprensa de Itaituba, o titular da Superintendência de Polícia Civil do Tapajós, delegado Vicente Gomes, confirmou a morte dos quatro homens suspeitos de fazer parte da quadrilha que assaltou o Basa em Rurópolis. Segundo o delegado Vicente, as mortes aconteceram durante o segundo confronto dos bandidos com a Polícia, em menos de duas semanas. Porém, o restante da quadrilha permanece em fuga na mata.
Populaçõs de Rurópolis em frente à sede da Delegacia de Polícia
População de Rurópolis em frente à sede da Delegacia de Polícia
Em nota, a Secretaria de Segurança Pública do Pará (Segup) informou que equipes táticas cercaram o grupo em uma área de mata na zona rural do Município e integrantes do grupo tentaram romper o cerco, trocando tiros com policiais, por volta de 3h30 da madrugada. Quatro suspeitos de integrar o grupo morreram durante o confronto.
Ainda de acordo com a Segup, um primeiro confronto foi registrado por volta de 7h30 da manhã de hoje, mas os bandidos conseguiram escapar. Por volta das 12 horas um novo confronto aconteceu e quatro integrantes do grupo foram mortos. Outros quatro seguem escondidos na área, que compreende propriedades rurais de agricultores na região das vicinais Cachoeirinha e Baiano. A Polícia Civil ainda vai realizar a identificação dos corpos dos mortos durante o confronto, que devem chegar durante a tarde desta segunda à sede do município.
Desde a semana passada uma Força Tarefa formada por policiais civis e militares de Belém, Santarém, Altamira e Itaituba empreendem buscas à quadrilha que invadiu e assaltou a agência do Banco da Amazônia (Basa), por volta de 10h, do dia, 11, em Rurópolis, distante 217 quilômetros de Santarém, no oeste do Pará.
Segundo testemunhas, havia muitos clientes na agência fazendo transações bancárias, quando cerca de 8 homens fortemente armados, chegaram em duas caminhonetes, anunciaram o assalto, roubaram o dinheiro e levaram cinco pessoas reféns, entre elas, o gerente do banco.
Várias ruas de Rurópolis foram bloqueadas no intuito de interceptar a fuga dos bandidos.
Após trocarem tiros com policiais militares, os assaltantes empreenderam fuga pela rodovia Transamazônica (BR-230), porém, ao se depararem com um cerco policial, retornaram e tomaram o rumo de Santarém pela BR-163. Durante a troca de tiros, um assaltante foi baleado e abandonou uma arma de grosso calibre. Mesmo assim, segundo a Polícia Militar, o bandido ainda conseguiu fugir.
Depois de percorrer alguns quilômetros do local do assalto, os bandidos liberaram os reféns.
Fonte: RG 15/O Impacto

José colares

Some say he’s half man half fish, others say he’s more of a seventy/thirty split. Either way he’s a fishy bastard.