Novo pedido de prisão de Loures é visto como cerco de Janot a Temer

Após PGR solicitar novamente a prisão do ex-assessor do presidente, desconfiado com a postura do PSDB e do Democrata, Temer começou uma ofensiva na Câmara para garantir apoio do ‘centrão’ e barrar uma eventual ação penal do Ministério Público. Porém, para avançar, o processo penal que pode tirá-lo do cargo precisa do aval de 342 deputados. No TSE, os advogados de Temer vão pedir que a delação da JBS fique fora da ação que pede a cassação da chapa Dilma-Temer.

Fonte: CBN