A REDE GLOBO SOB INVESTIGAÇÃO

A Procuradoria-Geral da República enviou para o MPF (Ministério Público Federal) no Rio de Janeiro a representação feita por três partidos políticos contra a Rede Globo. O documento pede a investigação da empresa pelo suposto pagamento de propina na compra dos direitos de transmissão das Copas do Mundo de 2026 e 2030, e de jogos da Libertadores e da Copa Sul-Americana. O caso foi relatado pelo argentino Alejandro Burzaco à Justiça norte-americana em delação premiada. Segundo a assessoria da PGR, o envio trata-se de um procedimento protocolar, uma vez que os imputados não têm direito a foro privilegiado, e a sede da empresa não é localizada em Brasília. A procuradora-geral, Raquel Dodge, está na Costa Rica.A promotoria da República no Rio de Janeiro agora deve decidir se abre ou não investigação sobre o caso. Provavelmente vão descobrir muita ciosa, salvo se forem acobertar as maracutaias que a imprensa divulga. Não se podem praticar atos indevidos a vida toda. Um dia a casa cai!