ALERTANDO OS EMPRESÁRIOS


Devido o baixo índice da economia e a queda de receita das empresas estabelecidas no Shopping Rio Tapajós, as empresas podem usar o estado de força maior previsto no Código Civil para reduzir o valor do aluguel, já que o aluguel foi estipulado com base no mercado quando estava aquecido. Porém, com a redução da produção, e do resultado da queda da economia os empresários podem reivindicar junto à direção do Shopping a redução do aluguel, mesmo tendo assinado o contrato, já que o mercado financeiro está enfrentando agora uma nova realidade de crescimento mais baixo, com forças cíclicas e estruturais, afetando o tradicional paradigma de crescimento.